O impacto da Inteligência Artificial na indústria brasileira

De acordo com o Projeto da Indústria 2027  realizado através de uma parceria entre o Instituto Euvaldo Lodi (IEL) e a Confederação Nacional da Indústria (CNI), a indústria brasileira já sente o impacto das tecnologias chamadas de ruptura, entre elas a Inteligência artificial (IA) e Internet das coisas (IoT). Tais tecnologias receberam destaque por possuírem maior potencial para promoverem mudanças nos próximos 10 anos em diversos setores no Brasil.

A IA consegue resolver problemas que o ser humano ainda não possui uma receita predefinida para resolver. Sendo capaz de processar uma grande quantidade de informações de diversas fontes de forma rápida e eficiente, o que é uma tarefa praticamente impossível para um ser humano. Máquinas e Robôs inteligentes aprendem com seres humanos e muitas vezes trabalham lado a lado de forma colaborativa com segurança e precisão, realizando tarefas repetitivas e exaustivas em linhas de produção. Além disso, a IA consegue auxiliar na detecção antecipada de falhas em maquinas otimizando a manutenção e até mesmo na inspeção visual de produtos em uma linha de montagem afim de identificar produtos fora do padrão com muita agilidade e flexibilidade.

Trata-se de uma ruptura generalizada nos modelos de negócios e no mercado de trabalho, com grandes alterações no conjunto de aptidões requeridas para progredir neste novo panorama. O uso de tecnologias como IA e IoT devem ser fatores decisivos na disputa de novos, e até mesmo antigos, mercados e na sobrevivência, ou até mesmo nascimento, de grandes indústrias.

Deixe uma resposta