A implantação de IoT nas empresas brasileiras

Foto: CIO

Dados de um estudo da Pyramid research divulgados no ano passado mostram que a maioria (73%) das empresas de médio e grande porte no Brasil possuem alguma implementação de IoT ou objetivam implementar uma nos próximos meses. O resultado difere um pouco quando comparado com um estudo divulgado pela CNI, também em 2016, que mostra a porcentagem das empresas que adotaram algum tipo de tecnologia digital na indústria.

Independente da tecnologia digital aplicada, o que não favorece a  implementação em massa pelas empresas brasileiras pode ser resumida pelo desafio para as companhias de entender a internet das coisas como uma fonte de receita. Os valores que serão obtidos através do investimento em IoT são muitas vezes desconhecidos e assim favorecem o receio de modernização através de objetos e máquinas conectadas.

Outra informação relevante fornecida pela pesquisa, é o tempo médio de retorno esperado pelas empresas brasileiras que investem no setor. A maior parte das empresas (46%) espera que o retorno apareça de 6 a 12 meses, seguidas pelo intervalo de 1 a 2 anos  (29%). De outro lado, algumas empresas esperam um retorno imediato (17%), o que pode ser entendido como um equívoco e falta de conhecimento das soluções em conectividade. Por fim, 8% das empresas esperam o retorno em dois anos, o que pode ser visto como um planejamento estratégico da empresa a partir da fomentação de novos modelos de negócio e monitoramento da produção.

Deixe uma resposta